Dra. Iana Rodrigues - Alergista

Dermatite Atópica


Conceito | Características | Tratamento | Cuidados com a pele

Conceito:

É uma doença alérgica bastante frequente, que causa inflamação da pele, levando ao aparecimento de COCEIRAS e LESÕES NA PELE.

A DERMATITE ATÓPICA NÃO É CONTAGIOSA

É uma doença crônica e recidivante, isto é, tem períodos de melhora seguidos de piora, que muitas vezes prejudicam a qualidade de vida do alérgico.

Características:

A dermatite atópica é uma doença característica da infância:

  • Em 50 a 75% dos casos surge antes de 6 meses de idade.
  • Em 80 a 90% dos casos, ela aparece antes de 5 anos de idade.

Em geral são crianças com pele muito seca, com muita coceira dificultando inclusive o sono. Após intensa manipulação, segue sempre uma pele avermelhada e machucada.

Admite-se que a dermatite atópica diminui em freqüência e intensidade com o avanço da idade, especialmente com a puberdade, mas 10 a 15% dos pacientes continuarão a tê-la na idade adulta.

Por ser uma doença genética, a dermatite atópica geralmente vem acompanhada com outras doenças alérgicas, como asma e rinite.

A dermatite atópica é considerada fator predisponente ao aparecimento de asma.

LOCALIZAÇÃO:

  • Nos bebês é comum apresentar lesão em face, couro cabeludo, pescoço, tronco e face extensora dos braços e pernas.
  • Nas crianças maiores as lesões aparecem nas dobras dos cotovelos e joelhos, nádegas e raiz posterior das coxas.

FATORES DESENCADEANTES:

  • Poeira domiciliar e ácaros;
  • Transpiração e o suor;
  • Roupas de lã e tecidos sintéticos;
  • Sabonetes e sabões;
  • Detergentes e produtos de limpeza;
  • Baixa umidade e frio intenso;
  • Cosméticos;
  • Infecções cutâneas;
  • Atrito;
  • Alimentos;
  • Estresse emocional.

Voltar ao topo da página

Tratamento:

O tratamento adequado tem por objetivo controlar a inflamação da pele. E para isso o CUIDADO COM A PELE deve ser o essencial.

Seguindo as orientações de seu alergista, podem ser usados medicações sintomáticas como corticóides tópicos, anti-histamínicos e imunomoduladores.

O uso de antibióticos, ciclosporina, metotrexate e fototerapia, também podem ser necessário na terapêutica da dermatite atópica.

Não há necessidade de evitar alimentos em qualquer pessoa com dermatite atópica, a dieta só é justificada quando o alergista comprovar que aquele alimento piora a lesão da pele.

Voltar ao topo da página

Cuidados com a pele:

BANHO:

  • Excesso de banho deve ser evitado;
  • Deve ser rápido e morno;
  • Usar sabonete, no máximo, uma vez por dia, dando preferência aos sabonetes neutros e líquidos.
  • Nunca usar buchas ou esponjas;
  • Banhos feitos com maisena, costumam acalmar a pele.

HIDRATAÇÃO:

  • A HIDRATAÇÃO É A MEDIDA BÁSICA DO TRATAMENTO;
  • Deve ser feita preferencialmente logo após o banho, com a pele ainda um pouco úmida.

ROUPAS:

  • Prefira roupas leves e folgadas;
  • Evite tecidos sintéticos aderente ao corpo;
  • Evite roupas de lã ou tecidos irritantes;
  • Na lavagem, dê preferência a sabão neutro e o retire completamente da roupa com enxágue mais longo. Não use amaciante nas roupas.

LEMBRE-SE:

  • As unhas das crianças devem sempre estar cortadas e limpas, para evitar infecção nas lesões;
  • Controle Ambiental para evitar poeira e ácaros devem ser rigorosos (ver quarto do alérgico).

Voltar ao topo da página

V.2013

Atendimento: Av. das Américas, 500 - Bl 3 - Sala 308 - Shopping Downtown - RJ - Tel.: (21) 3242-5005 / 2494-5233